#RESENHA: Algemas de Seda – a história de Jake e Mimi, de Jack Baldwin


2015/01/img_2572-1.jpg

Esse não é um livro erótico comum, mas o primeiro da coleção Muito Prazer, pela Geração Editorial, classificado como pimenta verde numa escala de três cores, de acordo com o nível de erotismo.

2015/01/img_2571.jpg

Trata-se da história de Mimi Lessing, uma jovem contadora que trabalha numa grande firma, e de Jake Teller, seu irresistível colega de trabalho que leva uma vida dupla: durante a semana ele é apenas um jovem comum, que trabalha e sai com os amigos, mas às sextas feiras escolhe uma vítima para enlouquecer na cama, sem amor, sem número de telefone, sem compromisso.
Mimi sempre foi uma moça pudica e reservada, que levava uma vida incomumente pacata e monótona, mas se sentia perfeitamente feliz assim. Pouco antes de seu casamento seu desejo sexual é despertado, e ela passa a se sentir insatisfeita com o noivo, a quem, no entanto, ama verdadeiramente.
Os destinos de Mimi e Jake se cruzam quando precisam trabalhar juntos na conta de um de seus clientes mais peculiares. Ele a convida para assistir a um dos seus jogos e ela se vê enredada numa história de sedução, desejo e sexo.

“Um gemido abafado corta a música. Minhas pernas ficam bambas enquanto olho para o corredor. Foi um gemido de mulher, parecendo ser de dor, ou de medo. Ou… de algo mais. Olho para os meus sapatos emparelhados ao lado da porta. Uma parte de mim quer correr para eles, mas olho novamente  para a luz do quarto, e depois de fechar os olhos por um segundo, aperto o casaco em torno do pescoço e caminho na direção da porta. Paro logo antes dela procurando outros sons. Dela ou dele. Ouço apenas o violino. Apoio a mão na parede fria e entro no vão da porta.
O quarto está iluminado apenas pela luz de três lâmpadas, todas elas voltadas para a cama. E sobre ela está Nina Torring. Seus olhos estão cobertos por uma venda negra e os pulsos amarrados aos pilares da cama com faixas de seda branca. Suas pernas estão livres. Está usando um pijama prata muito fino com calças de cordão, e agora vejo o que a fez gritar. Jake Teller está sentado ao lado dela com uma tesoura nas mãos e está deslizando o metal liso na sua barriga nua. Os olhos dele olham diretamente para os meus.”

Você deve estar se perguntando o que torna Algemas de Seda de algum modo extraordinário. Vamos chegar lá…
A Srta. Lessing é perseguida por um estranho misterioso que a observa e escuta todos os seus passos, conversas e ligações telefônicas através de grampos. Ela não suspeita de nada, até que seja tarde demais.

“É a luta delas que a excita. A eliminação das defesas, uma a uma.
Eu me viro e olho para a longa parede de fitas. São mais de mil. Amanhã vou encaixotá-las e guardá-las, exatamente como fiz com as outras. Mas a coleção ainda não está completa. Tenho mais uma fita para gravar.”

Dividida entre uma vida segura e recatada e outra cheia de aventuras e desejo, Mimi nunca mais poderia ser a mesma.
A narração se divide entre Jake, Mimi e seu observador misterioso, possibilitando ao leitor coletar as impressões e pontos de vista de cada um deles.
A trama é envolvente e, embora os personagens pudessem ter sido um pouco mais explorados, Baldwin foi capaz de criar uma estória que mescla o erotismo com o suspense, capaz de prender o leitor página por página.

Anúncios

1 comentário

  1. evelyntrovao · janeiro 16, 2015

    Amiga.
    Não canso de dizer.
    Você transforma um bom livro, em um livro necessário em nossa estante e cérebro.
    Simplesmente encantada.
    Perfeito.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s